Lars Von Trier é banido do Festival de Cannes

Numa declaração executada pelos organizadores do Festival de Cannes, nesta quinta-feira, 18 de Maio, ficou-se a saber que o cineasta dinamarquês Lars Von Trier foi considerado «persona non grata» pelo certame francês e, como tal, banido de futuros eventos, desconhecendo-se se o filme «Melancholia» permanece na secção competitiva.

Segundo ainda os responsáveis do evento, o Festival oferece aos artistas mundiais a possibilidade de apresentarem os seus trabalhos, defendendo sempre a liberdade de expressão e a criatividade. Porém, este espaço foi mal utilizado por Von Trier que se serviu dele para efectuar comentários inaceitáveis, intoleráveis e contrários aos ideais humanistas que acompanham o Festival desde sempre.

Recordamos que Von Trier afirmou ontem que compreendia Hitler e até simpatizava com ele. Posteriormente ele pediu desculpas, afirmando que foi apenas uma brincadeira e provocação à imprensa. Aparentemente isso não valeu de nada aos responsáveis pelo evento, que agora banem um dos seus cineastas fetiches, e vencedor da Palma de Ouro em 2000, por «Dancer in The Dark».

Artigo retirado do site www.c7nema.net
Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s