Brit Awards 2012: Adele, a grande vencedora e a polémica do dedo

Adele foi a grande vencedora da noite de Brit Awards, os mais importantes prémios britânicos de música, que decorreram na noite de ontem na O2 Arena, em Londres.A cantora não só venceu dois prémios, entre os quais o de «Melhor Álbum do Ano», com «21», mas também por ter levantado o dedo do meio depois de ter visto o seu discurso de agradecimento ser interrompido.

O insólito episódio aconteceu quando a cantora agradecia emocionada o prémio de «Melhor Álbum do Ano» quando o apresentador James Corden a interrompeu para que os Blur fechassem a cerimónia.

Adele mostrou-se irritada com a situação e levantou o dedo do meio.

No final da cerimónia, Adele explicou que a atitude foi «para os organizadores, não para os fãs», acrescentando ainda:«Eu fui interrompida durante o meu discurso, mas queria agradecer ao público britânico por todo o apoio».

A organização dos Brit Awards já emitiu um comunicado onde pede desculpas à cantora:«Os Brits são um evento em directo. Infelizmente, o programa estava a ultrapassar o tempo e tivemos que prosseguir. Gostaríamos de pedir desculpas à Adele pela interrupção».

O apresentador da Cerimónia, James Corden, também se mostrou descontente por ter que interromper Adele: «Não percebo bem porque é que tive que a interromper. Estava a ter uma das melhores noites da minha vida e depois tive que interromper a Adele ainda antes de ela dizer obrigada. Ela é a maior estrela do mundo e eu não percebo bem o que aconteceu, mas fiquei muito chateado».

Mas nem só deste incidente se fez a cerimónia. Adele também perdeu na categoria de «Canção do Ano» com «Rolling in the Deep», prémio arrecadado pela «boys band» «One Direction»,  nomeada com o tema «What Makes You Beautiful».

Outro dos grandes vencedores da noite foi , Ed Sheeran, que levou para casa os Brit Awards de «Artista Masculino Britânico do Ano» e de «Artista Revelação».

O prémio de «Melhor Grupo Britânico» foi entregue sem surpresas aos Coldplay pela terceira vez.

Bruno Mars venceu como «Melhor Artista Internacional Masculino» e a cantora dos Barbados, Rihanna, foi considerada a «Melhor Artista Internacional Feminina».

Os americanos «Foo Fighterts» venceram o prémio de «Melhor Banda Internacional».

O final da cerimónia ficou marcada com o regresso dos ingleses Blur que premiaram todos os presentes com uma atuação ao vivo.

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s